Como uma empresa está revolucionando o mercado de motos e delivery no Brasil

0
101

Você já deve ter visto nas ruas da sua cidade algumas motos verdes e pretas com o nome Mottu. Talvez você até tenha recebido alguma entrega feita por elas. Mas você sabe o que é a Mottu e como ela surgiu?

A minha curiosidade foi despertada quando vi um modelo na garagem do prédio. Daí, impulsionado pela atração natural por marcas e símbolos, a atenção robotizada a enxurrada publicitária que nos inunda diariamente, comecei a ver outra, mais outra e outra…

Até culminar em um veículo com aquela mistura de cores anti-convencional e símbolo de banco digital estacionado na porta do trabalho. Como bom jornalista a curiosidade me levou a abordar o motoboy e pesquisar acerca do tema que conto a seguir…

A Mottu é uma startup fundada em 2019 que tem uma proposta diferente: alugar motos para entregadores autônomos, sem vender. Isso mesmo, a Mottu não comercializa as motos, apenas as disponibiliza para os chamados motoboys, que se tornaram essenciais durante a pandemia, com o aumento do delivery e do e-commerce.

Mas como funciona esse aluguel? É simples: o entregador paga uma taxa semanal ou mensal para usar a moto da Mottu, que já inclui todos os custos de IPVA, licenciamento, manutenção, resgate, moto reserva, seguro, infraestrutura, assistência 24 horas e rastreamento. Assim o entregador não precisa se preocupar com nada, apenas em abastecer o tanque e fazer as entregas.

A realidade de quem usufrui do serviço

Aqui em João Pessoa, por exemplo, a diária fica em torno de 25 reais, segundo o usuário Welinton, que garante tirar em um dia o valor de todo o aluguel semanal. Ele está no serviço de motoboy, usando o veículo indiano, há cerca de dois meses.

A Mottu começou sua frota em São Paulo Honda Pop110i, mas logo expandiu para outras 28 cidades do Brasil (e pretende chegar a 45) e até para o México. A demanda por aluguel das motos cresceu tanto que a Honda não conseguia mais atender os pedidos da Mottu. Foi então que surgiu a ideia de criar sua própria marca de motos.

Em outubro de 2022, a Mottu inaugurou sua fábrica em Manaus, onde produz suas próprias motos com a marca Mottu. O modelo escolhido foi o Sport 110i da marca indiana TVS, adaptado para as necessidades locais, com vários fornecedores nacionais. A Sport 110i é uma das motos mais econômicas do mundo, com consumo entre 65km/l e 70km/l.
Atualmente, a frota da Mottu (incluindo a Pop 110i e um scooter elétrico da Amazon Motors) já é equivalente à dos Correios, cerca de 27 mil unidades. A Mottu já estuda uma parceria com os Correios para ampliar ainda mais seu alcance.

Portanto, agora quando você ver uma, ou várias motos verde e preta espalhadas pela cidade já sabe onde surgiu esta nova “febre” nas ruas brasileiras.

A tabela abaixo mostra um levantamento da Fenabrave sobre emplacamentos de moto.

Marca Modelo Categoria Unidades emplacadas Participação no mercado
Honda CG 160 City 76.923 69,62%
Yamaha 21.552 19,51%
Mottu Sport 110i City 4.444 4,02%

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here