Mercado Financeiro indica queda na inflação

0
48

O último Boletim Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (18) revelou ajustes nas previsões do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país. A estimativa para este ano passou por uma ligeira redução, indo de 4,51% para 4,49%.

A perspectiva para 2024 manteve-se estável em 3,93%, enquanto para 2025 e 2026, as projeções indicam uma inflação de 3,5% para ambos os anos.

Entretanto, é importante destacar que a previsão para 2023 está acima do centro da meta de inflação estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), que é de 3,25%, com uma margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

A expectativa do Banco Central, conforme destacado no último Relatório de Inflação, é que há uma chance de 67% de o índice oficial superar o teto da meta em 2023. Além disso, a projeção para a inflação em 2024 também está acima do centro da meta de 3%, mas ainda dentro do intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual.

Juros

Quanto à taxa básica de juros, a Selic, o Banco Central cortou os juros pela quarta vez no semestre na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). O Copom informou que continuará promovendo novos cortes de 0,5 ponto nas próximas reuniões, com a decisão sobre a redução dependendo do comportamento da inflação no primeiro semestre de 2024.

Para o mercado financeiro, a expectativa é de que a Selic encerre 2024 em 9,25% ao ano. A projeção para o dólar aponta uma cotação de R$ 4,93 para o fim deste ano e R$ 5 para o encerramento de 2024.

No cenário econômico mais amplo, as instituições financeiras mantiveram a projeção de crescimento da economia brasileira em 2,92% para 2023. Para 2024, a expectativa é de um crescimento de 1,51%, enquanto para 2025 e 2026, o mercado financeiro projeta uma expansão do PIB em 2% para ambos os anos.

Os dados apresentados no Boletim Focus fornecem uma visão abrangente das tendências econômicas, oferecendo insights valiosos para investidores, empresas e consumidores atentos às mudanças no panorama financeiro nacional. Acompanhar essas projeções é crucial para uma compreensão informada e estratégica das condições econômicas do Brasil.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here