Mãe e namorada matam bebê e uma blinda a outra em um roteiro de amor sociopata

0
44

Imagine um roteiro macabro em que um casal espanque uma criança de 6 meses até a morte.

O enredo aponta ainda que a mãe é uma das assassinas.

O fato é que as imagens acima descritas não se tratam de cenas de filme de terror hollywoodiano.

O mais perto que está o crime bárbaro, geograficamente, é da beleza cenográfica da “Roliúde Nordestina”, Cabaceiras.

A tragédia caseira aconteceu na cidade de São José de Piranhas, no alto sertão paraibano, nesta quinta-feira, 08.

A criança foi levada pela mãe e sua companheira para a Unidade Básica de Saúde (UBS) da região, mas a vítima chegou morta e com hematomas no corpo.

O que disse a equipe médica

A equipe médica constatou que a criança não apresentava sinais vitais e tentou reanimá-la por aproximadamente 15 minutos, até a chegada do Samu.

A equipe da UBS retirou a roupa da criança e se deparou com cicatrizes na região dorsal e glúteos, além de escoriações na região oral e uma possível laceração anal. O bebê também apresentava hematomas na cabeça. Portanto, os profissionais solicitaram o apoio da Polícia Militar e o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol).

As duas mulheres são suspeitas da morte e foram presas. A Polícia Civil suspeita que a bebê também tenha sofrido abuso sexual e pediu o exame sexológico.

As duas suspeitas foram presas em flagrante e levadas para a delegacia de São José de Piranhas, onde foi lavrado o auto de prisão por homicídio qualificado.

AMOR DOENTIO

Após a prisão, durante os depoimentos, veio outra revelação da natureza sinistra de ambas acusadas.

As duas, em separado confessaram o crime e garantiram terem cometido sozinhas (cada uma) a selvageria. Ou seja, se pouparam, ocultaram a participação da outra em uma espécie de blindagem de amor sociopata.

A Polícia Civil identificou a mãe da criança como Fernanda Miguel da Silva, de 19 anos,

Já a companheira é Lilian Alves Romão, de 18 anos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here