Estados do Nordeste se unem para salvar vida de caminhoneiro que infartou

0
67

O caminhoneiro Francisco Garcia Borges, de 56 anos, recebeu alta, nesta sexta-feira (16), após ter sido atendido pelo Programa Coração Paraibano, uma iniciativa do Governo do Estado, na Hemodinâmica do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, em Patos, gerenciado pela Fundação Paraibana de Gestão em Saúde (PB Saúde). O paciente foi vítima de um infarto na última segunda-feira (12), quando estava no Piauí.

Como ocorreu o salvamento do caminhoneiro?

O serviço de hemodinâmica interiorizado pelo Governo da Paraíba, como parte do Programa Coração Paraibano – uma rede estruturada de cuidados de urgência e emergência cardiológica, tem possibilitado uma resposta assistencial rápida para os pacientes desde o Litoral ao Sertão paraibano no tratamento das urgências cardiológicas, bem como na área vascular e endovascular.

De acordo com Fabrício Carvalho, médico cardiologista e hemodinamicista da Hemodinâmica de Patos, Francisco deu entrada no serviço ainda na segunda-feira (12), onde passou pelos procedimentos de cateterismo, inserção de stent e uma angioplastia na artéria coronária direita. “Podemos dizer que tivemos um procedimento bem sucedido. Ele teve dores no peito e outros sintomas de infarto. No mesmo dia em que ele chegou, fizemos o cateterismo, seguido de angioplastia. Vimos que ele tinha uma lesão mais grave na coronária direita e foi inserido um stent na artéria”, explicou o especialista.

Morador do município de São Bento (PB), Francisco estava a trabalho, com seu filho, em Baixa Grande do Ribeiro (PI), quando sofreu o infarto. Inicialmente, ele foi atendido num hospital local, sendo transferido em uma das aeronaves do Grupo de Resgate Aeromédico Estadual (Grame) para a Hemodinâmica de Patos.

Segundo a esposa do paciente, Celiane Garcia, ele não tinha histórico de problemas cardíacos, até então. Ela contou que, apesar do susto com a notícia do infarto, saber que o marido receberia assistência numa cidade mais perto de sua residência ajudou a se tranquilizar. “O atendimento foi excelente, tanto por parte dos médicos quanto da enfermagem. Nós só temos a agradecer, primeiramente a Deus, e a toda a equipe, desde que trouxe ele do Piauí. No dia em que ele chegou, já fizeram o cateterismo e não faltou nada pra ele”, elogiou Celiane.

A coordenadora de Práticas Assistenciais da Hemodinâmica de Patos, Kamila Leite, destacou que Francisco continuará sendo acompanhado pelos profissionais de saúde, mesmo após alta médica. “Como se tratava de um paciente grave, foi necessário mantê-lo em repouso e observação durante alguns dias depois da realização dos procedimentos e antes de receber alta. Agora ele será acompanhado por um cardiologista e passará por tratamento medicamentoso em casa”, afirmou.

Coração Paraibano

O Programa Coração Paraibano foi lançado pelo Governo do Estado em março de 2023 e instituiu uma rede estruturada de cuidados de urgência e emergência cardiológica, especialmente no atendimento aos pacientes de infarto agudo do miocárdio.

A rede de cuidados implantada para o funcionamento do Coração Paraibano inclui quatro Hemodinâmicas para atender às três macrorregiões do estado. São duas no Hospital Metropolitano, em Santa Rita, uma no Hospital de Trauma de Campina Grande e outra no Hospital Regional de Patos, além do apoio de unidades hospitalares que realizam a estabilização dos pacientes no primeiro atendimento, possibilitando mais rapidez na assistência. O programa conta, ainda, com mais de 60 ambulâncias com suporte de UTI Móvel e duas aeronaves com a mesma estrutura para transporte dos pacientes que são operadas pelo Grupo de Resgate Aeromédico (Grame).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here