Rio Grande do Sul reúne o maior número de facções criminosas do país

0
15

[ad_1]

Em 2022, o Rio Grande do Sul registrou 2.154 mortes violentas intencionais, um aumento de 3,8% em relação ao ano de 2021. Na média, são quase seis (5,9) assassinatos por dia, todos os dias. “A migração de um traficante de um grupo para outro leva a muitos acertos de contas”, afirma Rodrigo Azevedo, da PUCRS. Duas cidades gaúchas, Alvorada, na Grande Porto Alegre, e Rio Grande, no sul do Estado, ficaram entre as 50 cidades mais violentas do Brasil. Em Rio Grande, o conflito se dá entre os Manos e os Tauras. Outras fações em ação são Antibala, Comando pelo Certo, Farrapos, Unidos pela Paz, Mata Rindo, Cebola, PCI e PCC. A Secretaria de Segurança Pública informou que os índices de criminalidade estão em queda. Leia mais aqui.

[ad_2]

Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here